Até que ponto objetos do nosso quotidiano podem ser responsáveis por grandes catástrofes naturais? Qual o impacto das nossas ações no outro lado do planeta? O Estado do Mundo (Quando Acordas) coloca em cena relações de causa-efeito entre pequenos gestos e grandes consequências.

Edi é um rapaz de 8 anos com uma vida muito preenchida. Todos os dias consome e descarta muitas coisas, até que recebe um brinquedo convite inesperado. Nesse momento, inicia uma viagem por um mundo invisível aos seus olhos, marcado pela crise climática. Num mundo desacertado, é preciso olhar para o passado e fazer com que tudo bata certo no futuro. O tempo está sempre a contar.

O Estado do Mundo (Quando Acordas) é o primeiro espetáculo de um díptico que se destina a pensar o estado do mundo – natural, político, geográfico, social, histórico, económico e humano.

  • 07 Out. 15:00
  • 08 Out. 15:00
gnration
Circuito - Serviço Educativo Braga Media Arts
2,50€

Preço para escolas: 2,50€ por aluno. Professores acompanhantes têm entrada gratuita.

Comprar bilhete

  • 07 Out. 15:00
  • 08 Out. 15:00
gnration
Circuito - Serviço Educativo Braga Media Arts
2,50€

Preço para escolas: 2,50€ por aluno. Professores acompanhantes têm entrada gratuita.

Comprar bilhete

Encenação: Miguel Fragata

Texto: Inês Barahona e Miguel Fragata

Interpretação: Edi Gaspar

Cenografia: Eric da Costa

Figurinos: José António Tenente

Música original: Fernando Mota

Desenho de luz: José Álvaro Correia

Vídeo: João Gambino

Adereços: Eric da Costa, José Pedro Sousa, Mariana Fonseca e Rita Vieira (design gráfico)

Maker: Guilherme Martins

Construção de cenografia: Gate7

Direção técnica: Renato Marinho

Consultoria: Henrique Frazão

Produção executiva: Ana Lobato e Luna Rebelo

Produção: Formiga Atómica

Coprodução: LU.CA – Teatro Luís de Camões, Comédias do Minho, Materiais Diversos e Théâtre de la Ville

Agradecimentos: Ana Pereira, Andreia Luís, Beatriz Castanheira, Carlos Félix/Decolab, Carlos Miguel/IMPERSOL, Dalila Romão, David Palma, Dina Mendonça, Elisabete Pinto, Joana Ascensão, João Ribeiro, Lara Soares, Maria Mestre, Mónica Talina, Paulo Teixeira/Fablab EDP, Raquel Castro, Rita Conduto, Susana Gaspar

A Formiga Atómica é uma estrutura apoiada pelo Ministério da Cultura | Direcção-Geral das Artes

Público-alvo: para todos os públicos

Classificação etária: m/6

Duração: 55 min.