O roadshow educativo de 2018 fez o seu périplo pelas escolas de Braga com seis exposições interativas organizadas e projetadas pelos alunos do Mestrado em Multimédia da Universidade do Porto.

09 Fev. 2018

ROADSHOW 2018

O roadshow educativo de 2018 fez o seu périplo pelas escolas de Braga com seis exposições interativas organizadas e projetadas pelos alunos do Mestrado em Multimédia da Universidade do Porto.

09 Fev. 2018

A instalação interativa "Sapatos Mágicos" foi uma irresistível mistura de magia e tecnologia, que pretende envolver os alunos da EB Palmeira, em Braga, no mundo inspirador da personagem Dorothy, do livro infantil “The Wonderful Wizard of Oz” de L. Frank Baum. Já, "Câmara" motivou o utilizador a explorar diversas fases do sono humano enquanto está desperto, na Escola Secundária Carlos Amarante. Através da simulação de um quarto de dormir, no seu interior um colchão de cama sensitivo em cima de um estrado e, diante deste incide a projeção de uma janela com imagens do exterior noturno. Na Alberto Sampaio, foi implementado um quarto com um tabuleiro no chão semelhante ao jogo da macaca onde as pessoas possam andar. Em cada canto do quarto, estava uma coluna de som. Estamos dentro da máquina de leitura de Julio Cortazar, desenhada para sua obra prima "O Jogo do Mundo" (Rayuela). A peça interactiva form or flow procura explorar a relação e o desejo de manipulação dos elementos com os seres Humanos, na Sá de Miranda. 
O projeto paTRItura consiste numa instalação interativa voltada para a componente auditiva e musical em que um trio de utilizadores moldará as tradicionais texturas e características de instrumentos musicais e fontes sonoras. Por último, a instalação "splats" explora a relação intrinsecamente ligada à natureza humana, levando a uma massa estudantil jovem a capacidade de verem as suas escolhas refletidas numa tela, de fazerem um retorno às suas habilidades mais básicas de expressão, criando uma peça artística e plástica junto com os seus colegas.

Sinopse redigida pelo grupo de alunos de SDI do Mestrado em Multimédia da Universidade do Porto.