Em Mode Confusion, Peter Burr apresenta uma exposição de trabalhos vídeo de cariz imersivo, baseada nas obras Dirtscraper (2019) e Pattern Language (2017). Nelas o artista norte-americano explora o conceito de videojogo para apresentar um labirinto em constante mutação. Dirtscraper trata-se uma paisagem teorizada do desenvolvimento urbano. Através de um videojogo generativo, Burr mostra os moradores de uma “arquitetura inteligente” a atuar como narradores informais. À medida que a formação do Dirtscraper evolui, uma variedade de mitos emergem. Os membros da comunidade virtual contam histórias que os envolvem, relacionamentos e até aspetos de saúde mental, numa tentativa de reprimir o ruído constante das circunstâncias precárias em que vivem. Burr situa esta peça para além dos arquétipos de utopias futuras, voltando-se para a corrosão de uma sociedade apócrifa. O trabalho emula um corpo coletivo que foi submetido ao funcionamento interno de uma simulação em rede; os blocos habitacionais são invadidos pela indústria, os moradores são deslocados, o Antropoceno esmorece. O que resta é a história de uma cidade constantemente cinética e das pessoas que permanecem como habitantes.

Pattern Language é um termo atribuído pelo arquiteto Christopher Alexander para descrever a vitalidade de certas ambições humanas através de um índice de padrões estruturais. Alguns defensores desta abordagem de design afirmam que as pessoas comuns podem usá-la para resolver complexos problemas de design. Nesta peça, o vocabulário do sistema de Alexander é utilizado para a construção de um labirinto em constante mutação. Esta instalação vídeo estreou como um sistema vídeo de 4 canais e, desde então, foi adaptado a filme e a uma variedade de formatos de instalação personalizados, incluindo uma variedade de centenas de painéis LEDs em Times Square (Nova Iorque). No gnration, Burr apresentará a versão de um canal.

Peter Burr é um mestre na animação de computador com um dom na criação de imagens e ambientes que pairam entre a abstração e a figuração. Os trabalhos de Peter Burr têm sido apresentados internacionalmente em várias instituições incluindo Documenta 14 (Atenas), Moma PS1 (Nova Iorque) e Barbican Centre (Londres). 

 

 

  • 17 Jan. até 18 Apr.
galeria gnration
gnration
Entrada livre